O que é um barista?

Barista é o nome dado ao profissional especialista em café e nos seus diversos tipos de preparo, bem como conhecedor de toda cadeia produtiva do café e das particularidades que podem influenciar no resultado da bebida final. Ele é, ainda, o finalizador de todo processo do café. Desde o preparo do solo, a escolha do clima, ao plantio, colheita, processamento, beneficiamento e distribuição, o café tem um objetivo: chegar a sua xícara da melhor forma possível. Cabe ao barista o preparo do café apresentando todo seu potencial e sabor, respeitando todas as nuances do grão, evidenciando os aromas presentes, para que todo o trabalho da cadeia não seja posto a perder.
 
O termo barista originou-se na Itália, onde se refere à pessoa que trabalha em um bar preparando bebidas em geral. Seria o que chamamos de bartender. Como os italianos têm por costume e tradição beber café em várias horas do dia, o preparo do cafezinho era apenas uma das atribuições dos baristas italianos. Até que, na década de 80, a rede de cafeterias Starbucks começou a chamar seus colaboradores de baristas. O conceito logo se difundiu pelo mundo, e as pessoas começaram a associar o barista com o profissional que prepara o café e bebidas relacionadas a ele. Outras cafeterias começaram também a utilizarem o mesmo nome para seus funcionários. E, logo, já estava universalizado: o manuseador
da máquina de espresso se chamava barista.
 
O conceito da profissão já estava bem consolidado até que, no ano 2000, Alf Kramer resolve criar o campeonato mundial de baristas, realizado em Montecarlo, na Itália. Os baristas deveriam preparar espresso, cappuccino, e um drink à base de café de criação própria. Era só preparar o básico da melhor forma. Isso abriu os olhos dos baristas do mundo inteiro para perceberem que podiam se aprimorar. No campeonato até hoje, é avaliado, além da performance e prática de cada um, como está a qualidade técnica da bebida e do grão escolhido para realizar o espresso. Isso mesmo, o barista deve escolher o grão e levá-lo já torrado. Foi aí que os profissionais começaram a competição, a fim de conhecer cada vez mais sobre todo o processo cafeeiro, afim de conseguirem sempre bebidas melhores e mais complexas. A partir daí, o conceito da profissão foi evoluindo para, não apenas o preparador de café, porém um especialista em café. Hoje, o barista tem capacidade tanto de preparar o café do grão que lhe for dado, como também de toda seleção de grãos e controle de qualidade.
 
Com a disseminação dos cafés especiais, o barista ganha ainda mais destaque. As pessoas estão curiosas e cada dia mais apaixonadas pela imensidão de sabores e notas que o café pode desenvolver. O barista é figura fundamental tanto na seleção de cafés de qualidade quanto por educar e apresentar ao consumidor as características daquilo que ele está provando. Se você está pensando em seguir essa profissão, você pode atuar não somente em cafeterias, mas em qualquer unidade da cadeia cafeeira, como em fazendas, torrefações, entidades classificadoras e até mesmo como educador; mas precisa ter como característica uma coisa, tem que ser apaixonado por café.
 

Outros Artigos

> leia mais

Comentários

Deixe seu comentário