Alunos do Senac participam da Olimpíada do Conhecimento

Fotos: Rogério Vital / Deguste

Ao longo desta semana, o Senai e a Fiern estão realizando a etapa regional da Olimpíada do Conhecimento, levando jovens estudantes de vários cursos profissionalizantes a um desafio interativo. Com isso, alunos do curso de cozinha do Senac participam de um processo e estão sendo avaliados por chefs para tentar buscar uma vaga na etapa nacional.

 
O chef Ângelo Medeiros, avaliador líder nas etapas regionais da Olimpíada, explica o desafio é voltado para alunos abaixo dos 22 anos e que, esta etapa do Rio Grande do Norte, três foram credenciados para concorrer. Durante quatro dias, eles estão sendo avaliados por três chefs, incluindo o próprio Ângelo.

 
“Nós colocamos pra ele o desafio da produção de dois pratos por dia, alguns com temas pré-definidos e outros surpresas. Em um dos dias, por exemplo, nós demos os elementos e eles tiveram que criar uma sobremesa apenas baseado em uma fotografia. Além disso, nós avaliamos peso do prato e temperaturas específicas”, destaca Ângelo Medeiros.

 
Ele explica que o Senac costuma trabalhar com a prática, tanto que o curso de cozinha, que tem um grade de 800 horas, é composto 80% por prática. “Por esse motivo, a maioria dos alunos já sai pronta para o mercado de trabalho e eventos como esses estimula ainda mais o aprendizado e a produção deles, bem como é uma forma de valorização dos alunos”, completa.

   
O próprio chef Ângelo Medeiros é formado pela escola do Senac e, atualmente, participa de vários festivais gastronômicos no Rio Grande do Norte, bem como é professor de nova turmas da instituição. A Olimpíada do Conhecimento também conta, no segmento da gastronomia, com desafios na área de panificação e confeitaria.
 

Comentários

Deixe seu comentário

voltar <